Notícias

Notícias


Representação Partidária

24/06/2013

Cientista político analisa as motivações de hostilidade contra integrantes de partidos nas manifestações

Em entrevista para o Último Segundo do portal iG, Aldo Fornazieri, cientista político e Diretor Acadêmico da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP) afirma que partidos políticos devem se aproximar mais das massas.

m entrevista para o Último Segundo do portal iG, Aldo Fornazieri, cientista político e Diretor Acadêmico da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP) afirma que partidos políticos devem se aproximar mais das massas.


A matéria aponta que a hostilidade e violência de manifestantes contra representantes de partidos políticos reflete uma crise de representação. As agressões contra membros de partidos traz o temor de que o antipartidarismo crie um ambiente propício para um golpe de extrema-direita e para a prática do fascismo no Brasil.


Segundo Aldo Fornazieri, a parte da sociedade que se rebela contra os integrantes de partidos é representada por setores da classe média baixa e média que não se sentem representados por partidos, sindicatos e parlamentos atuais.


Confira a matéria na íntegra.




Veja Mais

Mapa do site

FESPSP
Institucional
Biblioteca
Tecnologia
Pesquisa
Extensão
Eventos
FAQ
Estude na FESPSP
Graduação
Pós-Graduação
Cursos Extensão
Debates Contemporâneos
 
2ª via do boleto
Agência FESPSP
Artigos
Comunicado
Eventos
FESPSP na mídia
Notícias
Palestras
Publicações
Seminário FESPSP 2017
Contato
Fale Conosco
Trabalhe Conosco
Localização
Ouvidoria

FESPSP nas redes sociais

FESPSP - Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo

Rua General Jardim, 522
Vila Buarque - São Paulo - SP

11 3123 7800

© Copyright 2014 - FESPSP - Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo

by HKL

Dúvidas?

Nós ligamos para você!

Envie seus dados através do formulário abaixo e nossos atendentes entrarão em contato com você!